Guardiões da Galáxia Vol. 2 estreia com US$ 101 milhões mundialmente

Curte lá!
Dá um follow aê!
Segue lá!
Se inscreve aê!

Como já é costume na Marvel, Guardiões da Galáxia Vol. 2 chegou a uma série de países antes de sua estreia nos Estados Unidos, que ocorrerá no próximo dia 5. O filme arrecadou cerca de US$ 101,2 milhões até o momento, tendo estreado em 37 países até o momento, ou cerca de 58% do total de territórios em que deve chegar. Entre os países que já receberam a mais nova aventura de Starlord e seus amigos espaciais, estão alguns dos principais mercados globais, como França, Alemanha, Reino Unido, Espanha, Itália, Austrália, México, Indonésia, Filipinas, Hong Kong e, claro o Brasil (falando nisso, você já assistiu? Comente conosco o que achou!). O longa ficou em primeiro neste fim de semana em quase todos esses países, com exceção de Portugal, Turquia e Vietnã. Ao longo da semana que vem, a aventura aporta em mais países, incluindo Israel, Argentina, Rússia, Coréia do Sul, Índia e, em especial, a China, o segundo maior mercado cinematográfico do planeta, atrás dos EUA.

 

Segundo a própria Disney, este valor de US$ 101,2 milhões é 57% superior à estreia do primeiro Guardiões, 50% melhor que a de Capitão América 2: O Soldado Invernal e 19% acima da de Thor: O Mundo Sombrio, no mesmo conjunto de territórios, e considerando as taxas cambiais de hoje. No entanto, ainda é um valor bem abaixo das estreias internacionais dos quatro últimos blockbusters de Maio da Marvel – embora esta não seja uma comparação muito exata, é necessário acrescentar. Os Vingadores faturou US$ 185 milhões em sua estreia, Homem de Ferro 3 rendeu US$ 195 milhões, e ambos Vingadores: Era de Ultron Capitão América: Guerra Civil chegaram aos cinemas globais com cerca de US$ 200 milhões.

 

Mesmo assim, com uma matemática simples, já é possível prever qual será a bilheteria final do longa, a partir da performance dos filmes anteriores do MCU. O Vol. 1 de Guardiões, junto com Capitão América: O Soldado InvernalHomem Formiga faturaram entre 15 e 17% de seus totais nos mercados internacionais (isto é, excluindo os Estados Unidos) em seu primeiro fim de semana – o que indica que tais longas tiveram um ótimo boca a boca, pois tiveram ótima sustentação desde sua estreia. Caso ocorra o mesmo com Volume 2, o filme deverá terminar entre US$ 595,2 milhões e US$ 674,6 milhões. Esta é a melhor oportunidade que o filme terá de se juntar aos dois Vingadores e aos terceiros Homem de Ferro e Capitão América na casa do US$ 1 bilhão de dólares globalmente, isto caso ele fature os US$ 400 milhões que estão estimados para a bilheteria americana.

 

 

Por outro lado, Thor: O Mundo SombrioCapitão América: Guerra Civil e os Homem de Ferro 2 3 caíram mais rapidamente após chegarem aos cinemas: cerca de 24 a 29% de seus totais internacionais foram feitos no fim de semana de estreia, um número que levaria Guardiões 2 a encerrar sua carreira nos cinemas do planeta entre US$ 350 milhões e US$ 421,6 milhões. Os dois Vingadores ficaram na média entre esses dois extremos: ambos renderam 20 e 21% do total na estreia, o que levaria o Vol. 2 a cerca de US$ 506 milhões. Se for este o caso, o longa precisaria render mais de US$ 500 milhões na bilheteria americana (ou seja, mais grana do que o segundo Vingadores e os terceiros Homem de Ferro Capitão América fizeram nos EUA) para ultrapassar a marca do bilhão.

 

Assim, caso Guardiões 2 siga o padrão dos três últimos filmes do MCU do início de maio, irá encerrar sua carreira entre US$ 376,2 milhões e US$ 475,1 milhões, com uma média de US$ 425 milhões. Some isso aos cerca de US$ 400 milhões que os analistas do mercado estão estimando para a bilheteria americana, e teremos um total global (ou seja, dos Estados Unidos e do restante do globo) na casa dos US$ 800 milhões. Portanto, para chegar ao bilhão, vai ser necessário que o longa tenha um boca a boca superior aos dos filmes estrelados por personagens que integram os Vingadores.

 

Mesmo que o Volume 2 não bata a marca bilionária, porém, vai ter conquistado ao menos um feito: será o primeiro longa do MCU a não trazer o Tony Stark de Robert Downey Jr. a faturar mais de US$ 800 milhões de dólares no globo inteiro. 😉

 

Comenta aí, Marvete!

legadodamarveldisqus