Homem-Aranha: De Volta ao Lar pode estrear com US$ 210 milhões mundialmente!

Curte lá!
Dá um follow aê!
Segue lá!
Se inscreve aê!

O Homem-Aranha balança de volta ao lar neste fim de semana, com o filme dirigido por Jon Watts e estrelado por Tom Holland chegando a uma porção de países, incluindo o Brasil. Turbinado pelas ótimas críticas, o filme faturou US$ 15,4 milhões nas pré estreias ocorridas ontem nos Estados Unidos, o que o deixa no caminho de um fim de semana de estreia acima dos US$ 100 milhões, caso desempenhe como os últimos filmes do MCU. Segundo Scott Mendelson, da Forbes, o longa pode chegar até mesmo aos US$ 140 milhões na estreia.

 

  LEIA TAMBÉM:

 

De Volta ao Lar tem mantido um excelente engajamento nas redes sociais, com menções positivas no Twitter igualando-se às de Guardiões da Galáxia Vol. 2, que, como você deve se lembrar, abriu com US$ 146,5 milhões em maio. Pesquisas entre a audiência mostraram que De Volta ao Lar tem gerado grande interesse entre o público masculino, especialmente entre homens abaixo dos 25 anos de idade, enquanto o Fandango (o equivalente ao ingresso.com dos Estados Unidos) informa que o filme superou Mulher-Maravilha (US$ 103,2 milhões de abertura) nas vendas antecipadas de ingressos. Finalmente, há o fato de que o Homem-Aranha é um herói cujo apelo se estende a pessoas dos 8 aos 80 anos: pais podem levar seus filhos pequenos ao cinema, adolescentes serão atraídos por jovens estrelas teens como Holland e Zendaya, adultos fãs de longa data do personagem finalmente poderão vê-lo como o garoto que Peter Parker é nas HQs clássicas.

 

 

Historicamente, o Homem-Aranha costuma ter excelentes aberturas nas bilheterias americanas. Em 2002, o clássico dirigido por Sam Raimi abriu com US$ 114,8 milhões, tornando-se o primeiro filme a fazer mais de US$ 100 milhões no fim de semana de estreia – e olha que naquela época não haviam fatores que encareciam os ingressos, como o 3D. Dois anos depois, sua continuação fez menos que isso, “apenas” US$ 88,1 milhões no primeiro fim de semana, mas isso se deve ao fato de que o longa na verdade estreou numa quarta-feira nos Estados Unidos, e, com dois dias a mais na abertura, sua audiência ficou um pouco diluída. Ainda assim, entre quarta e domingo, Homem-Aranha 2 já havia faturado gigantescos US$ 152,4 milhões.

 

Em 2007, o antecipadíssimo terceiro e último filme com Sam Raimi à frente do personagem quebrou o recorde de maior fim de semana de estreia da história, faturando US$ 151,1 milhões entre sexta e domingo. Tamanha foi a multidão que foi conferir o Aranha de Maguire com o uniforme negro do simbionte na estreia que, ajustado pela inflação, Homem-Aranha 3 até hoje é o sexto maior fim de semana de estreia de todos os tempos, atrás das aberturas de Batman: O Cavaleiro das Trevas, Vingadores: Era de Ultron, Jurassic World, Os Vingadores e Star Wars: O Despertar da Força.

 

 

Comparativamente, os filmes da Era Andrew Garfield tiveram estreias bem mais tímidas. O Espetacular Homem-Aranha foi um dos poucos filmes a abrir numa terça-feira (!), e, entre terça e domingo, faturou US$ 137 milhões (dos quais US$ 62 milhões foram no fim de semana). Já O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro abriu com US$ 91,6 milhões em maio de 2014, mas o desgaste da franquia tornou-se evidente quando tal longa desabou pateticamente nas semanas seguintes.

 

Então sim, Homem-Aranha: De Volta ao Lar não deve superar a monstruosa estreia de Homem-Aranha 3. No entanto, isso não deve ser visto como decepção, uma vez que seus valores ainda estariam na faixa das aberturas de outros “filmes de origem” bem sucedidos dos últimos anos, como O Homem de Aço (US$ 116,6 milhões) Deadpool (US$ 132,4 milhões) e Esquadrão Suicida (US$ 133,6 milhões).

 

 

Além disso, o longa servirá para dar um gás na atual temporada de blockbusters nos cinemas americanos, na qual os únicos filmes live action de grande porte que não estão passando vergonha são os filmes de super-herói, uma vez que Guardiões 2 e Mulher-Maravilha dominaram em maio e junho, respectivamente. De Volta ao Lar também será um auxílio muito necessário para a Sony, que nos últimos anos tem sido castigada com fracassos de bilheteria e o infame Sony Hack, no final de 2014. Uma vez que o longa passar a marca de US$ 200 milhões, será a maior bilheteria doméstica do estúdio desde 007 Contra Spectre, em novembro de 2015.

 

Homem-Aranha também estreia pelo mundo

 

Em adição a sua estreia nos Estados Unidos, Homem-Aranha: De Volta ao Lar também chega a diversos outros países em todo o globo, totalizando 60% de todo o mercado internacional, porém excluindo territórios importantes, como França, Alemanha, Espanha, Japão e China, que o receberão nas próximas semanas. Atualmente o segundo maior mercado de cinema do planeta, a China sempre teve um público historicamente receptivo ao Homem-Aranha: todos os cinco longas anteriores do herói foram lançados nos cinemas daquele país, com grande sucesso – e a performance chinesa de Espetacular Homem-Aranha 2 foi um dos fatores que salvou sua bilheteria mundial. Embora De Volta ao Lar ainda não tenha uma data de estreia oficial no país, espera-se que ele chegue ao mercado chinês entre o final de agosto e o início de setembro.

 

Sabendo da força do herói em todo o planeta, a Sony tem promovido agressivamente o filme em diversos países: atores como Tom Holland, Zendaya e Laura Harrier, o diretor Jon Watts e os produtores Kevin Feige e Amy Pascal viajaram os quatro cantos do planeta (ou ao menos na América Latina, Ásia e Europa) para divulgar o filme. O dedicadíssimo Holland, aliás, visitou Paris e Londres com a equipe do filme, foi a Madri e Barcelona com Zendaya, e excursionou por Singapura, Roma, Moscou, São Petersburgo, Berlim e Seul, divulgando o longa na mídia local. O atual Peter Parker dos cinemas não se esqueceu do carinho do público brasileiro, e aproveitou para dar uma passada no nosso país, na companhia da Laura Harrier. A dupla também visitou o México, onde apareceram na Comic-Con local, a Conque.

 

 

O pavoroso jet lag que Holland deve estar sofrendo, porém, não foi em vão: somando-se às previsões de estreia nos EUA e no mundo, De Volta ao Lar pode chegar a domingo já tendo faturado entre US$ 190 milhões e US$ 210 milhões em todo o planeta. É um ótimo valor, que já poria o longa entre as 25 maiores bilheterias globais de 2017.

 

Resumo da ópera: Homem-Aranha: De Volta ao Lar tem tudo para ter uma ótima abertura global nesse fim de semana. Veremos como se sairá nas semanas seguintes, mas ao menos foi um começo com o pé direito.

 

 

E você, pretende ir assistir à nova aventura do Teioso nos cinemas? Não se esqueça de comentar com a gente o que achou no Facebook e no Twitter, hein? 🙂

Comenta aí, Marvete!

legadodamarveldisqus