O Mandarim REAL está em Shang-Chi! E por que isso é tão importante?!

Curte lá!
Dá um follow aê!
Segue lá!
Se inscreve aê!

 

Menos de duas semanas atrás, tivemos a confirmação de que o VERDADEIRO Mandarim fará sua estreia nos cinemas em Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis! O filme, que será lançado em fevereiro de 2021, enfim, vai contar a história da organização criminosa que estava presente desde o primeiro Homem de Ferro, além do seu verdadeiro líder.

 

Afinal, muitos fãs ainda não superaram o fato do vilão ter se tornado uma grande piada em Homem de Ferro 3, onde o Mandarim era uma fraude, um personagem encenado por um ator bêbado. Com razão, foi decepcionante não ver Tony Stark enfrentando seu principal inimigo nas HQs, mas agora, você vai entender o porque, no final das contas, essa acabou sendo a melhor coisa que a Marvel fez com o personagem na época!

 

O maior trollei da Marvel

 

Não, relaxe, não vou dizer que transformar o grande Mandarim em uma anedota foi a única coisa que a Marvel poderia ter feito, mas o que eu vou falar agora, se deve muito ao fato de que tudo funciona melhor no MCU com um longo desenvolvimento, seja de seus personagens, ameaças ou tramas!

 

Afinal, ver o Mandarim representado como uma simples caricatura racista de Hollywood, e seu costume de colocar asiáticos apenas como ameaças ou inimigos menores, sendo o único asiático no meio de um elenco totalmente ocidental, seria uma maneira bem errada de honrar o personagem. Quem disse isso, inclusive, foi o próprio roteirista de Homem de Ferro 3, Drew Pearce! Se liga no que o cara disse:

 

“Existem interpretações modernas do Mandarim que poderiam funcionar no contexto de um filme da Marvel que seja muito mais baseado na cultura Asiática, e tenha, francamente, cineastas e atores asiáticos nele, e liderando a história. No nosso Homem de Ferro, […] era o meu sentimento de que se nós fizéssemos o Mandarim como ele é mais conhecido, nós estaríamos aderindo aos esteriótipos raciais que iniciaram o personagem. Ameaça amarela, sabe…”

 

Acredite em mim, o meu sonho era ver o Homem de Ferro enfrentar Mandarim e o dragão Fin Fang Foom, mas o argumento do roteirista é absurdamente sensato! Ter um vilão com uma história tão profunda quanto o Mandarim, reduzido a um desafio para render as piadas de Tony Stark, não seria nem mesmo uma boa adição para a trilogia do Homem de Ferro!

 

Continue a leitura, e entenda mais sobre o VERDADEIRO Mandarim, na próxima página!

Páginas: 1 2

Comentários

legadodamarveldisqus