PUBLICIDADE

O PIOR e o MELHOR filme da Fase 3 da Marvel Studios!

PUBLICIDADE

 

PUBLICIDADE

A Fase 3 do Universo Cinematográfico da Marvel Studios chegou ao fim com o lançamento de Homem-Aranha: Longe de Casa! O filme é quase como uma cena pós-créditos para a fase, lidando com as consequências de Vingadores: Ultimato e conexões diretas com o primeiro filme dessa fase, iniciada em 2016 com Capitão América: Guerra Civil!

 

PUBLICIDADE

Faz todo o sentido que Longe de Casa seja o final para algo iniciado em Guerra Civil, já que agora é canônico que o Mystério estava, de certa forma, presente no filme, e arquitetando seu plano desde então, enquanto Tony Stark ainda estava vivo. Obviamente, Thanos é o principal personagem dessa fase, mas o arco pessoal de Tony e Peter ao longo desses filmes, é o principal elo entre as 3 Fases do MCU e todas as Fases que vierem nos próximos anos.

 

PUBLICIDADE

Agora que a Fase está encerrada, chegou a hora de olharmos para trás e analisarmos tudo o que aconteceu desde então. A Fase 3 teve 11 filmes (ONZE!) num período de 4 anos, aumentando o padrão de lançamento para 3 filmes por ano. Então, é questão de tempo até os fãs preparem suas listas com os melhores filmes dessa Fase. E é nesse pique que o Legado da Marvel preparou esse ranking, listando os filmes do PIOR ao MELHOR. Será que você consegue adivinhar qual o nosso favorito e o menos amado?!

 

PUBLICIDADE

Confira o PIOR filme e a lista completa nas próximas páginas!

11. Capitã Marvel (2019)

PUBLICIDADE
rtc-config='{ "urls": ["https://udr.uol.com.br?tag=publicidade&fmt=amprtc","https://page-context.uol.com.br/api/get-amp-page-context?url={{escapeURL}}"], "vendors": {"prebidappnexuspsp": {"PLACEMENT_ID": "24660215"}}, "timeoutMillis": 1000}' class="i-amphtml-layout-fixed i-amphtml-layout-size-defined" style="width:320px;height:50px" i-amphtml-layout="fixed">

Como assim, em último lugar?!

 

INFELIZMENTE, Capitã Marvel conquistou o último lugar da nossa lista! Infelizmente, porque é muito difícil expressar que não gostamos tanto assim do filme, o que pode ser confundido com fãs preconceituosos que odeiam a Brie Larson e odeiam o filme só por causa disso. Não, nós amamos a Brie, e amamos ela no Ultimato!

 

A questão aqui, é que Capitã Marvel se torna o filme menos marcante da Fase 3, por conta de uma direção sem inspiração de Anna Boden e Ryan Fleck. O filme se esforça para fugir da fórmula dos filmes de origem, mas se não fosse o carisma de Brie e sua química com Samuel L. Jackson, teríamos ainda menos o que gostar. Entenda, não é um filme RUIM, só é o “menos bom” da Fase 3. Questão de afinidade, como diria alguém em votação no BBB.

 

10. Doutor Estranho (2016)

Barganhando pelo penúltimo lugar

 

O favorito de muitos marvetes, mas que pessoalmente, sofre quase dos mesmos problemas que Capitã Marvel. A fórmula de história de origem está bastante desgastada, e isso prejudica muito o filme quando você for revê-lo. As cenas de ação envolvendo Strange forem melhores exploradas pelos Irmãos Russo e até mesmo Taika Waititi, que conseguiram fazer um trabalho bem mais interessante que Scott Derrickson.

 

Mas ainda assim, o diretor pelo menos impôs um pouco mais de personalidade no filme solo do Doutor, se arriscando com cenas psicodélicas, luta em plano astral, e loops temporais. Doutor Estranho tem também um dos piores vilões e desafios de toda a Marvel, mas Tilda Swinton rouba a cena toda vez que aparece lutando com seu leque. Que Doutor Estranho 2 não repita esses vacilos!

 

9. Homem-Formiga e a Vespa (2018)

Provável reação de Paul Rudd lendo a nossa lista

 

Essa escolha também me chateia, mas por bem ou por mal, Homem-Formiga e a Vespa é um dos filmes mais simples da Marvel Studios. Essa leveza de aventura familiar funcionou bem para aliviar nossos corações após as devastadoras mortes em Guerra Infinita, e é impossível se enjoar de ver Paul Rudd, ou uma formiga gigante, tocando bateria!

 

Rudd, e todo o elenco, estão ainda mais engraçados e empolgados do que no primeiro filme. Talvez, Scott Lang cuspindo cartas seja um dos melhores momentos de todo o MCU, mas o filme como um inteiro, tem que se contentar com o nono lugar na lista!

 

8. Homem-Aranha: Longe de Casa (2019)

O melhor filme do Homem-Aranha de todos os tempos?!

 

O filme mais recente da lista, Homem-Aranha: Longe de Casa pode acabar subindo ou descendo no ranking ao longo dos anos. Afinal, está tudo tão fresco em nossas memórias, que é difícil estimar agora o quão bom realmente ele é, e o quão melhor ele é se comparado com filmes mais marcantes.

 

O tempo dirá, e por mais que ele tenha as cenas pós-créditos mais épicas do estúdio, o filme vai ficar bem longe do primeiro lugar (perdão pela piada ruim) e se contentar com a oitava posição.

 

7. Homem-Aranha: De Volta ao Lar (2017)

“Pinto… Parker!”

 

UÉ, já está de volta Homem-Aranha?! De Volta ao Lar foi lançado há 2 anos, tempo o suficiente para o considerarmos superior ao Longe de Casa. Por mais que não tenha cenas pós-créditos tão boas, o filme é bem mais coeso e tem um ritmo bem mais interessante.

 

Mystério é SENSACIONAL, mas só a cena de Michael Keaton encarando Tom Holland pelo retrovisor do carro, já torna o Abutre em uma ameaça ainda mais assustadora e desafiadora para Peter Parker. A cena de Tony Stark dando esporro em Peter após o incidente com as barcas nos trouxe também uma das melhores atuações de Robert Downey Jr., e ainda temos a maravilhosa reunião da Trindade do MCU: Tony, Pepper e Happy.

 

6. Pantera Negra (2018)

“Esse é o seu rei?”

 

T’CHALLA OOOOOH, T’CHALLA OOOOOOH! Pantera Negra foi um fenômeno impressionante, sendo até MAIOR que Guerra Infinita nos Estados Unidos. O impacto cultural do filme transcendeu o gênero de super-heróis, rendendo ao filme 6 indicações e 3 prêmios no Oscar!

 

A Marvel saiu oscarizada graças à celebração da cultura negra, e diferente de Doutor Estranho e Capitã Marvel, Pantera funciona tão bem por não precisar ser uma história de origem clichê, já que T’Challa havia sido apresentado dois anos antes. Já conhecendo o Pantera, sobrou ainda mais tempo para descobrir e apreciar a magnitude de Wakanda! Conhecer o país foi uma das melhores experiências do MCU, e temos de brinde um dos melhores vilões do estúdio: o maravilhoso Killmonger do maravilhoso Michael B. Jordan!

 

Confira os CINCO melhores filmes da Fase 3 nas próximas páginas!

 

5. Thor: Ragnarok (2017)

Reinvenção da Santa Ceia.

 

Talvez a maior surpresa da Marvel nos últimos anos, Thor: Ragnarok conseguiu revitalizar o Deus do Trovão graças ao estilo único do humor e talentosa direção de Taika Waititi, que encantou tanto o ator Chris Hemsworth, que parece até um recomeço para o personagem. Depois de Ragnarok, Thor se tornou o vingador favorito de todo mundo, e agora tem potencial para estrelar filmes na Marvel pelos próximos 10 anos.

 

Ignorando Thor e Thor: O Mundo Sombrio, o filme também trouxe uma das melhores encarnações do Hulk, e a vilã com o visual mais brabo entre todos os vilões. Obviamente, não posso deixar de mencionar o quanto Immigrant Song de Led Zeppelin, é a cereja do bolo de uma das mais divertidas e esquisitas óperas-espaciais já vistas dentro de um filme de herói.

 

4. Guardiões da Galáxia Vol. 2 (2017)

O funeral mais lindo do MCU.

 

Superando Ragnarok e sendo o primeiro dentro do G-4  da Fase 3, temos Guardiões da Galáxia Vol. 2, o segundo filme da equipe dirigido por James Gunn. Se Gunn fez os Guardiões se tornarem os heróis favoritos dos fãs em 2014, é na sequência que ele aprofunda o lado dramático e emocional que torna as aventuras desses personagens tão interessantes e diferentes de tudo que vemos em qualquer outro filme do estúdio. Vol. 2 consegue a façanha de te fazer rir com piadas de pinto, e te fazer chorar com uma das mortes mais tristes do MCU.

 

A Morte de Yondu, e o seu funeral, me emocionam toda vez que revejo o filme. Talvez sendo o filme mais autoral do MCU, temos de brinde outro vilão sensacional: Ego, interpretado com perfeição por Kurt Russell!

 

3. Capitão América: Guerra Civil (2016)

“Capitão… sou seu fã!”

 

Essa é a parte da lista onde é bem mais fácil de entrar em consenso. Nosso Top 3, é todo de filmes dirigidos pelos Irmãos Russo, afinal, os caras assumiram a responsabilidade de dar vida aos filmes mais ambiciosos do estúdio. E parte fundamental na construção da Saga de Thanos, foi estabelecer a queda dos Vingadores!

 

O roteiro trabalha com perfeição as divergências entre a equipe, dando argumentos plausíveis tanto para Tony quanto para Steve. Não temos um lado certo e errado, e é essa complexidade do roteiro, que torna Guerra Civil uma ótima adaptação da HQ. Quem reclama do filme não possuir 100 heróis brigando entre sim, talvez devesse reparar mais no clima tenso e de tragédia inevitável que permeia todo o longa.

 

Temos um clímax bem diferente do que ocorre em qualquer filme de herói, com uma batalha final mais íntima, entre 3 personagens, enquanto a parte dramática ainda está sendo posta em prática. Além de tudo, o filme teve a excelente introdução do Homem-Aranha, Pantera Negra, e uma das melhores atuações de RDJ como Tony Stark!

 

 

2. Vingadores: Ultimato (2019)

“E eu sou… o vice-campeão!”

 

Qual filme foi melhor: Guerra Infinita ou Ultimato?! Essa é uma pergunta que vai dividir muitos fãs, porque é realmente difícil escolher só um. Vimos na Fase 3 que não precisamos de uma reunião dos Vingadores para ter filmes bons, e tendo passado o hype para a chegada do Thanos, os filmes individuais continuam ótimos, mas Vingadores: Ultimato é a apelação máxima da Marvel Studios com tudo que os fãs gostam, e o que sempre sonharam em ver.

 

É o ápice do fanservice do estúdio, banhado em referências e nostalgia. Ultimato será sempre marcante, não só por reunir TODOS os heróis numa batalha gigantesca, mas por servir como um ótimo final para a primeira geração dos Vingadores, honrando aos fãs que acompanharam fielmente todos os episódios dessa saga ao longo de 11 anos.

 

Todos os filmes do estúdio são representados ou honrados de algum jeito, e toda essa grandeza, marca o projeto mais ambicioso já feito no cinema. Mas, ainda assim, é o nosso medalhista de prata, pois é difícil superar o primeiro lugar da nossa lista.

 

1. Vingadores: Guerra Infinita (2018)

Sorriso de vencedor!

 

Por mais que Ultimato tenha perfeitas 3 horas e emocionantes momentos como a morte do Homem de Ferro e Capitão América levantando o Mjolnir, eu não consigo ainda achar isso mais impactante que a devastadora experiência que foi Vingadores: Guerra Infinita.

 

O filme tem um ritmo FRENÉTICO, com poucos momentos para o público respirar. Ver todos os personagens e núcleos se unindo ao longo do avanço da história, ao mesmo tempo em que Thanos conquistava todas as Joias do Infinito, foi um verdadeiro evento! Não só duas grandes sequências de batalha ocorrendo ao mesmo tempo, vimos aqui também uma adaptação perfeita da história de Thanos e das HQs Desafio Infinito e Guerra Infinita.

 

O Titã Louco não é simplesmente o vilão do filme, já que ele é representado com bastante drama e emoção. Thanos chora, conversa, lamenta. Sentimos sua dor ao mesmo tempo que sentimos ódio por tudo que ele faz, e o estalo de dedos, transformando metade dos heróis em pó, é um impacto que nenhum filme fará igual.

 

Os heróis MORREM, e Thanos termina o filme sentado em sua fazenda, sorrindo. Eu nunca vou me esquecer de como fiquei paralisado durante os créditos finais, por isso, Guerra Infinita é o meu filme favorito da Fase 3, e talvez, de todo o MCU!

[quads id=3]

     LEIA TAMBÉM!

 

O último filme da Fase 3 é Homem-Aranha: Longe de Casa! Confira a sinopse oficial do filme: “Peter Parker retorna em Homem-Aranha: Longe de Casa, o próximo capítulo da série Homem-Aranha: De Volta ao Lar! Nosso simpático super-herói Amigão da Vizinhança decide se juntar a seus melhores amigos Ned, MJ e o resto da turma em férias na Europa. No entanto, o plano de Peter de deixar seus atos super-heroicos para trás por algumas semanas é rapidamente descartado quando ele a contragosto concorda em ajudar Nick Fury a descobrir o mistério por trás de vários ataques de criaturas elementais, causando estragos em todo o continente!”.

 

Homem-Aranha: Longe de Casa é a continuação do aclamado Homem-Aranha: De Volta ao Lar. Todo o o elenco protagonista do núcleo escolar estará de volta. Também teremos o novato no MCU Jake Gyllenhaal como o vilão Mystério, o retorno de personagens conhecidos do MCU, como Samuel L. Jackson como Nick Fury, Cobie Smulders como Maria Hill, e Jon Favreau como Happy Hogan. A data de estreia nacional está marcada para 4 de julho de 2019! Mesmo antes do primeiro filme estrear, a produtora do longa confirmou que o filme deve começar MINUTOS depois Vingadores: Ultimato. Algo parecido com Capitão América: Guerra Civil. Leia mais: Homem-Aranha: Longe de Casa contém easter egg da Viúva Negra! Confira!

 

Leia TUDO SOBRE Homem-Aranha: Longe de Casa!

Agora que a notícia acabou, veja um vídeo do nosso canal!

PUBLICIDADE

Sair da versão mobile