Homem-Aranha 4: o filme que nunca aconteceu

Curte lá!
Dá um follow aê!
Segue lá!
Se inscreve aê!

 

É bem verdade que Homem-Aranha 3 não foi lá tão bom quanto seus antecessores, no entanto a terceira aventura de Tobey Maguire rendeu uma montanha de dinheiro pra Sony (US$ 890 milhões para ser mais exato), então um 4° capítulo dessa história já era quase certeza para os fãs do teioso. E para a surpresa de todos, além de Homem-Aranha 4, o 5 e o 6 também também foram anunciados de uma só vez pelo estúdio. Dessa forma, devido ao sucesso do último filme da trilogia, era de se esperar que Sam Raimi tivesse mais liberdade para fazer as coisas do jeito dele, correto? Errado, o longa foi cancelado justamente porque o diretor e o estúdio não entravam num acordo. Calma que eu explico como tudo aconteceu.

 

Se não tivesse sido cancelado, o longa chegaria aos cinemas em abril de 2011, mesmo mês em que o primeiro filme do Deus do Trovão. Raimi queria que o vilão da vez fosse o Abutre (o mesmo que antagoniza o mais novo filme do Aranha), que, segundo rumores, seria vivido pelo elogiado ator John Malkovich. No entanto, o idoso voador não seria como nos quadrinho, e isso até poderia ser bom. Nas HQ’s, Adrian Toomes é um senhor de idade que cria um traje voador e o usa para assaltar alguns bancos. E só. A profundidade de um pires de leite. Já no longa cancelado, os envolvidos com a produção revelaram que ele seria o maior vilão que Cabeça de Teia já havia enfrentado até então, um sujeito assustador e sombrio.

 

 

Quem também estaria no filmes seria Bruce Campbell, parceiro de Raimi desde a estreia do diretor no clássico Evil Dead , e que já havia feito algumas pontas na franquia (lembra do cara que não deixa o Peter entrar pra ver a peça de Mary Jane em Homem-Aranha 2?). O ator, famoso por seu jeito canastrão, seria o vilão Mystério, um especialista em efeitos especiais que vira bandido depois de perder seu emprego na indústria de cinema. Ao que tudo indica a participação seria pequena, provavelmente uma ameaça pro Aranha enfrentar logo no comecinho do longa.

 

      LEIA TAMBÉM!

 

Achou pouco? Homem-Aranha 4 também contaria com a presença de Felicia Hardy. Isso mesmo, a Gata Negra. Quer dizer, mais ou menos. O filme teria Felicia Hardy, mas parece que ela não seria a  a gatuna que faz o coração do Aranha bater mais forte. Isso porque, segundo boatos da época, a personagem seria filha de Adrian Toomes e teria o seu próprio traje voador. Se ela seria a Gata Negra ou uma versão feminina nós nunca saberemos, mas uma coisa era quase certa: Anne Hathaway interpretaria a ela. Pois é, a atriz que fez a Mulher-Gato em Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge chegou bem perto de ser a Gata Negra (ou algo assim). Sites diziam que as negociações já estavam em seus estágios finais.

 

 

Se tudo estava tão planejadinho e nos trilhos, por que a sequência foi cancelada? É bem provável que você já saiba a resposta dessa pergunta. Exatamente, Sony. Sam Raimi sempre foi fã dos inimigos clássicos do herói. Shocker, Rino, Mystério, Lagarto (lembra do Dr. Connors aparecendo vários vezes ao longo da trilogia?) e vários outros estavam nos planos do diretor. Ora, três filmes do personagem haviam acabado de ganhar sinal verde, os vilões poderiam dar as caras em qualquer um deles. Já a Sony, em especial Avi Arad, queriam outros rumos para a franquia. Algo mais simbiótico, se é que vocês me entendem.

 

Pelo que se dizia por volta de 2009 e 2010, a gigante japonesa havia vetado o Abutre como vilão porque eles achavam que… ele não venderia muitos bonecos. Nada foi confirmado (até porque nenhum estúdio seria louco de confirmar isso), no entanto a história era forte. Sabe, dá até pra entender os caras, um velhinho voando numa roupa verde não tem lá muito apelo comercial. No lugar dele os produtores queriam o Carnificina (que criança ia querer um boneco do Carnificina, Sony?), só que Sam Raimi não gostou nem um pouco da ideia. Inserir o Venom no 3° filme já foi algo que o diretor fez contra a própria vontade, então dá pra imaginar que ele nada contente em descobrir que teria que colocar uma geleca ainda mais maligna em Homem-Aranha 4. Como se isso não fosse o suficiente, a a gigante japonesa não concordava com a escolha de Malkovich, o que se fala é que o ator era considerado muito caro ou até mesmo fraco.

 

 

Aí já sabe, né? Estúdio e diretor entraram em desacordo. Logo no começo de 2010, no dia 06 de janeiro,  o público foi surpreendido com a notícia de que o Homem-Aranha 4 teve a sua produção paralisada. O roteiro estava passando por alterações já havia algum tempo, o que irritou muito Sam Raimi. Ao que tudo indica, vários roteiristas trabalharam no filme, tentando achar um meio termo entre a visão de Raimi e a os desejos do estúdio.

 

Curiosidade: quando um roteiro é escrito por diversos profissionais a tendência é que a qualidade dele fique comprometida. Isso porque a história, que tinha um intuito no início, começa a ser modificada, agregando elementos para satisfazer os desejos desse ou daquele produtor. E é bastante comum que os produtores se intrometam para adicionar alguns detalhes. Um bom exemplo disso é Superman Lives, aquele que seria dirigido pelo Tim Burton e protagonizado pelo Nicolas Cage, cujo um dos produtores fez diversas imposições absurdas, como o Superman vestir um uniforme preto, não poder voar e precisar, por razões desconhecidas, enfrentar uma ranha gigante. Felizmente (ou não, poxa, eu queria muito ver o Nicolas Cage como Superman), a adaptação foi cancelada devido ao seu orçamento altíssimo para a época.

 

 

Voltando ao igualmente cancelado Homem-Aranha 4, cinco dias depois chegava a fatídica notícia de que o diretor havia abandonado o barco. Como Tobey Maguire já havia se manifestado dizendo que só voltaria se Raimi fosse o diretor, o longa foi canceladoacabou morrendo na praia. E agora, sete anos depois, para a surpresa de todos e desgosto de Sam Raimi, estreia no cinema uma aventura do Aranha em que ele enfrenta o Abutre. Felizmente pra Sony, o vilão está com um visual bem maneiro, o que deve resultar em vários bonequinhos vendidos.

 

P.S.: as imagens que ilustram esse artigo são alguns storyboards que foram pelo artista Jeffrey Henderson, que estava envolvido com a produção de Homem-Aranha 4.

Comenta aí, Marvete!

legadodamarveldisqus