O que a última cena pós-créditos de Pantera Negra revela sobre o futuro do Capitão América?

Curte lá!
Dá um follow aê!
Segue lá!
Se inscreve aê!

SIM, ESSE TEXTO TEM SPOILERS. ENTÃO SE VOCÊ AINDA NÃO VIU PANTERA NEGRA, DÊ O FORA E VÁ VER ESSE FILMAÇO.

 

Pantera Negra chegou aos cinemas arrastando multidões paras salas do mundo inteiro e quebrando todos os recordes que via pela frente. Como é comum nos filmes da Marvel Studios, o longa conta com duas cenas pós-créditos. A primeira com T’Challa revelando Wakanda para o mundo durante uma uma reunião da ONU. Cena que vale a pena tanto pelo impacto que ela causará no Universo Marvel quanto pela cutucada que o herói dá num certo presidente laranja. Já a segunda mostra Bucky acordando em Wakanda se vendo livre da lavagem cerebral da H.Y.D.R.A..

 

    LEIA TAMBÉM!

 

Ela parece bem simples, né? Mas vamos olhar um pouco mais atentamente para cena, para os simbolismos contidos nela. Bucky, pela primeira vez em muitos anos, não está sendo controlado por ninguém. Então quando ele olha para a paisagem de Wakanda à sua frente, o cara vê todo mundo novo, com novas oportunidades, novas escolhas e uma nova vida para viver. Agora ele dono do próprio destino, não precisa mais ser fantoche de outras pessoas.

 

E você notou algo nas roupas dele? Mais especificamente nas cores da roupa que ele está vestindo? Sim, vermelho e azul, as mesmas cores do traje do Capitão América. Se levarmos em conta que Steve adotou um figurino predominantemente preto, talvez indique que o melhor amigo do Capitão finalmente está pronto para assumir o seu manto. Parece loucura? Talvez. Mas desde que o melhor amigo do Capitão surgiu em cena já se especula sobre essa substituição. Há até uma cena em Capitão América: O Soldado Invernal que indicaria isso. Por um breve momento, a câmera foca no sargento Barnes segurando o icônico escudo do bandeiroso. É uma teoria que faz total sentido, visto que isso já aconteceu nas HQs.

 

 

No entanto, o destino do ex-assassino da H.Y.D.R.A. não parece tão certo assim. Na mesma cena há uma fala que parece apontar para outra direção totalmente diferente. Uma das crianças que Bucky vê ao acordar o chama de Lobo Branco. Nos quadrinhos, Hunter, o Lobo Branco, é um personagem caucasiano que foi adotado pelo Rei T’Chaka ainda criança, após um acidente aéreo matar os seus pais. Depois de crescido, ele se torna chefe dos Cães de Guerra, a polícia secreta de Wakanda. O problema é que o cara usava métodos violentos, o que obrigou T’Challa a acabar com o grupo e exilar Hunter, que se tornou um mercenário.

 

Como você pode ver, os dois personagens não tem nada em comum, mas como a gente fala direto por aqui, cinema é cinema e quadrinho é quadrinho. Depois de tanto tempo sendo perseguido, não seria nem um pouco estranho se Bucky adotasse Wakanda como o seu novo lar. É algo bem possível de acontecer, pois, de acordo com o que vimos ao longo dessa 1ª década de MCU, filmes e gibis podem muito bem tomar rumos diferentes.

 

Parece a versão albina do Pantera, mas é o Lobo Branco dos quadrinhos.

 

Se o destino do Sargento Barnes for esse, como ficaria o manto do Capitão América? Bom, o melhor amigo de Steve Rogers não foi o único a assumir a identidade do Sentinela da Liberdade, o mais recente foi ninguém menos que Sam Wilson, o Falcão! A mudança aconteceu em 2014, quando o soro do Super Soldado deixou de fazer efeito, fazendo Steve Rogers envelhecer rapidamente. O gibi do Falcão América tinha bastante críticas sociais, mostrando Sam tentando resolver os problemas das pessoas comuns.

 

Como o sucesso do Rei T’Challa deixou claro, o grande público não é tão avesso a histórias com esse teor, bem diferente do que os comentários da internet davam a entender. Seria uma proposta interessante de se ver nas telonas, né? A grande dúvida é: será que Anthony Mackie, mais conhecido por fazer coadjuvantes, conseguiria dar conta de uma franquia?

 

 

Enfim, Pantera Negra é um filme que veio para colocar de cabeça para baixo tudo o que havia sido feito no MCU até então. Suas duas cenas pós-créditos não podiam ser exceção. Uma traz algo que deve impactar bastante o futuro dos filmes da Casa das Ideias, já a outra traz uma importante revelação sobre a “saúde mental” de Bucky Barnes. Mesmo nesse espacinho entre os nomes dos realizadores, muito usado por outros diretores para fazer piada, Pantera soube como ser magistral. Até o James Mangold deve ter curtido rs.

 

Veja a nossa galeria de Pantera Negra:

[URIS id=5905]

Leia TUDO SOBRE Pantera Negra!

Agora que a notícia acabou, veja um vídeo do nosso canal!

Comentários

legadodamarveldisqus