Guerra Infinita continua forte e chega a US$ 1.96 bilhão global!

Curte lá!
Dá um follow aê!
Segue lá!
Se inscreve aê!

 

Mesmo após seis semanas em exibição e enfrentando concorrentes, Vingadores: Guerra Infinita permaneceu forte nas salas de cinema de todo o planeta. O longa agora chegou a incríveis US$ 1.96 bilhão de faturamento na bilheteria mundial, e se aproxima cada vez mais da fabulosa marca dos US$ 2 bilhões, por enquanto restrita a apenas três filmes.

 

    LEIA TAMBÉM!

 

Nos Estados Unidos, o épico super-heroico dos irmãos Joe e Anthony Russo ficou em quarto lugar no ranking do fim de semana, atrás de Han Solo: Uma História Star Wars, Deadpool 2 e o drama de aventura Vidas à Deriva. O longa faturou mais US$ 10,5 milhões e agora tem um total de US$ 643 milhões nas bilheterias americanas. Trata-se de uma queda de apenas 39,2% em relação ao final de semana passado, o que é um número particularmente bom – os filmes de maio do MCU costumam ter quedas bruscas no fim de semana pós-feriado de Memorial Day nos EUA. Portanto, mesmo enfrentando concorrência, Guerra Infinita tem conseguido se segurar bastante bem nos EUA.

 

Por enquanto, Guerra Infinita se mantém como a sexta maior bilheteria americana da história, atrás apenas de Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros (US$ 652 milhões), Titanic (US$ 659 milhões), Pantera Negra (US$ 699 milhões), Avatar (US$ 760 milhões) e Star Wars: O Despertar da Força (US$ 936 milhões). Nos próximos dias, porém, o longa deve subir para o quarto lugar, assim que deixar para trás o thriller de dinossauros de Colin Trevorrow e o épico romântico de James Cameron.

 

 

Ajustado pela inflação, Guerra Infinita é atualmente o 38º maior filme da história, logo atrás de Butch Cassidy (US$ 102 milhões em 1969/US$ 646 milhões ajustados). Neste fim de semana, o longa deixou para trás o primeiro Homem-Aranha (US$ 404 milhões em 2002/US$ 636 milhões ajustados) para se tornar o quarto maior filme de super-heróis da história ajustado pela inflação, logo atrás de Batman: O Cavaleiro das Trevas, Pantera Negra e Os Vingadores. Não sei se ele terá forças para alcançar o Bat-filme dirigido por Christopher Nolan e chegar à terceira posição, mas uma vez que Guerra Infinita ultrapassar a marca dos US$ 651 milhões, então será o sétimo filme do século XXI que mais levou pessoas aos cinemas nos EUA, deixando para trás o total ajustado de Shrek 2.

 

Na bilheteria internacional, o sucesso de Guerra Infinita foi verdadeiramente estrondoso. Trata-se de um faturamento de US$ 1.323 bilhão fora dos EUA até agora, o terceiro maior total internacional da história, atrás apenas de Titanic e Avatar. Esses números incluem também uma incrível bilheteria de US$ 356 milhões na China, a terceira maior para um filme hollywoodiano da história no país, logo atrás dos dois últimos Velozes & Furiosos.

 

 

No Japão, o filme é a maior bilheteria do MCU por lá, com US$ 33 milhões. Já em países como Brasil, Venezuela, Bolívia, Alemanha e Bélgica, Guerra Infinita teve neste fim de semana um faturamento maior do que no anterior, o que é particularmente raro – no caso do nosso país, isso pode ser explicado ao fim da greve dos caminhoneiros e ao feriado de Corpus Christi. Por fim, no Reino Unido, Polônia, Espanha, França e Holanda, o longa teve quedas pequenas em comparação com a última semana, o que mais uma vez demonstra sua resiliência mesmo após mais de um mês em cartaz. Afora os EUA e a China, as maiores bilheterias do filme foram registradas no Reino Unido (US$ 94 milhões), Coréia do Sul (US$ 92,5 milhões), Brasil (US$ 64,9 milhões) e México (US$ 59,4 milhões).

 

A partir da próxima quarta-feira, Guerra Infinita terá uma pedra em seu caminho rumo aos US$ 2 bilhões global – e uma do tamanho de um dinossauro: a estreia de Jurassic World: Reino Ameaçado, que começará a chegar em diversos mercados importantes, entre eles vários países europeus (como Alemanha, França, Reino Unido, Espanha) e asiáticos (Coréia do Sul, Filipinas, Taiwan, Hong Kong, entre outros). Tal longa certamente roubará muitas salas de exibição de Vingadores 3, inclusive em IMAX e outros formatos mais caros, o que certamente irá contribuir para uma grande queda em seu faturamento na semana que vem.  

 

 

Claro, se o longa não colapsar frente à estreia do novo capítulo da franquia jurássica, irá certamente chegar aos US$ 2 bilhões globalmente. Mas teremos uma certeza maior a partir da próxima semana. E você, qual acha que será a bilheteria final de Vingadores: Guerra Infinita? Não esquece de comentar com a gente, hein!

 

Bilheteria EUA de 01/06/18 a 03/06/18:

 

Filme Semanas em cartaz Renda no fim de semana (em US$) Renda acumulada (em US$)
1- Han Solo: Uma História Star Wars 2 29.396.882 148.989.574
2- Deadpool 2 3 23.178.597 254.506.035
3- Vidas à Deriva 1 11.603.039 11.603.039
4- Vingadores: Guerra Infinita 6 10.507.279 643.006.211
5- Do Jeito que Elas Querem 3 7.039.033 47.555.781
6- Upgrade 1 4.670.905 4.670.905
7- Alma da Festa 4 3.504.625 46.350.255
8- Breaking In 4 2.811.515 41.341.530
9- Action Point 1 2.390.164 2.390.164
10- Overboard 5 1.949.527 45.497.721

 

Veja a nossa galeria do filme:

[URIS id=5942]

Leia TUDO SOBRE Vingadores: Guerra Infinita!

Agora que o artigo acabou, veja um vídeo do nosso canal!

Comenta aí, Marvete!

legadodamarveldisqus