O que teria convencido o Hugh Jackman a se aposentar do Wolverine?

Curte lá!
Dá um follow aê!
Segue lá!
Se inscreve aê!

 

Numa entrevista, o ator Hugh Jackman conversou sobre as dicas que ele escutou de uns amigos a respeito de deixar ou não de interpretar o personagem Wolverine nos cinemas.

 

    LEIA TAMBÉM!

 

O ator falou que sempre sentiu isso, mas foi uma conversa com o comediante Jerry Seinfeld que o fez tomar a decisão final. Motivo? A série Seinfeld terminou quando ainda recebia ótimas reviews e tinha uma ótima audiência, terminou no auge. Basicamente o que Jackman queria para si também. Se liga no que ele disse para o Hugh num jantar:

 

“É uma longa história, Seinfeld disse: ‘Eu sempre acreditei, criativamente, que você nunca deve gastar tudo criativamente porque é quase impossível começar tudo novamente. Você sempre deve ter algo na reserva, ‘eu vou sair da festa antes que seja tarde demais’, esse tipo de teoria. E de alguma forma, isso de te estimula a alguma outra coisa'”.

 

 

    LEIA TAMBÉM!

 

Jackman disse que contou para a sua esposa logo após essa conversa que o próximo Wolverine seria o seu último. Aí, no dia seguinte ele acordou com toda a história de Logan na cabeça, e junto com o diretor James Mangold, veio a ideia de fazer algo diferente de tudo o que estava acontecendo atualmente. O ator ainda disse:

 

“Naquele momento em que eu pensei, que eu estava super carregado, super excitado, absoluto de que nunca mais o interpretaria, e bem nervoso. Porque são 17 anos, quer dizer, um homem de teatro como eu, é como o fim de uma longa história, e você quer que a sua última vez nisso seja a sua melhor.”

 

Acho que da pra dizer que foi a melhor possível, né?! Logan estreou nos cinemas brasileiros em março, e arrancou choro de muito nerd barbudo. Esperemos que a participação de Hugh Jackman em filmes de heróis não pare por aí. Se liga aí, Kevin Feige! Leia mais: Diretor de Logan confirma filme solo da X-23!

 

Comentários

legadodamarveldisqus