Vingadores: Guerra Infinita passa dos 2 BILHÕES na bilheteria mundial!

Curte lá!
Dá um follow aê!
Segue lá!
Se inscreve aê!

 

Até o último domingo, Vingadores: Guerra Infinita havia alcançado US$ 1.998 bilhão na bilheteria global, o que significa que o longa já deverá ter ultrapassado a histórica marca dos US$ 2 bilhões enquanto você lê esse artigo. Portanto, o crossover do MCU é agora apenas o quarto filme (e o primeiro de super-heróis) a atingir essa história marca, logo atrás de Avatar, Titanic e Star Wars: O Despertar da Força. Em suma, um sucesso de proporções inacreditáveis para a Marvel e a Disney.

 

    LEIA TAMBÉM!

 

Na bilheteria americana, Guerra Infinita também bateu mais uma marca neste fim de semana. O longa ficou em quinto lugar no ranking do fim de semana, faturou mais US$ 7,2 milhões e chegou a um total de colossais US$ 655,1 milhões nos EUA. Com isso, Guerra Infinita ultrapassou o total doméstico de Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros (US$ 652,2 milhões) para se tornar a quinta maior bilheteria da história nos cinemas americanos. Nos próximos dias, o longa dos Irmãos Russo também deverá deixar para trás Titanic (US$ 659,3 milhões) e alcançar a quarta posição.

 

Assim, agora é oficial: das cinco maiores bilheterias da história dos EUA, dois são filmes do MCU, com Guerra Infinita em quinto lugar e Pantera Negra em terceiro. Sim, foi um ano nada menos que espetacular para a Marvel Studios. Ajustado pela inflação, Guerra Infinita ocupa um decente 35º lugar, superando filmes como Os Caça-Fantasmas (US$ 242,2 milhões em 1984/US$ 652 milhões ajustados) e Shrek 2 (US$ 441,2 milhões em 2004/US$ 651 milhões ajustados). Aliás, após superar esse último, Guerra Infinita tem agora o sétimo melhor total ajustado pela inflação para um filme do século XXI. Ou seja, apenas outros seis filmes lançados desde 2000 para cá (no caso, Batman: O Cavaleiro das Trevas, Pantera Negra, Os Vingadores, Jurassic World, Avatar e O Despertar da Força) levaram mais pessoas aos cinemas americanos do que Guerra Infinita.

 

 

Pelo lado negativo, Guerra Infinita teve um sétimo final de semana menor que o de alguns colegas de MCU, como Pantera Negra, Os Vingadores e Guardiões da Galáxia. Isso pode ser explicado pela forte concorrência com filmes que chegaram nas semanas seguintes à estreia do longa, como Deadpool 2, Han Solo e Oito Mulheres e Um Segredo, e roubaram salas do filme. De toda forma, sim, Guerra Infinita até que está se sustentando decentemente em meio aos concorrentes. Por outro lado, o longa foi tão ansiosamente aguardado e fez tanto dinheiro em seus primeiros dias que isso compensou bilheterias menores posteriores.

 

Na bilheteria internacional, o filme sofreu uma queda um pouco mais dura em comparação com a última semana por conta da chegada de Jurassic World: Reino Ameaçado a alguns mercados da Europa e da Ásia no último fim de semana. Ainda assim, o longa faturou outros US$ 10,9 milhões ao redor do globo, e chegou a um total de gigantescos US$ 1.343 bilhão na bilheteria internacional até o fechamento desta matéria.

 

 

Na China, Guerra Infinita vem sendo tão bem sucedido (US$ 368,4 milhões até agora) que o longa ganhou uma rara extensão de 30 dias nos cinemas locais. Explicando: no país oriental, o governo determina que filmes estrangeiros só podem ficar em exibição por um período máximo de um mês. No entanto, alguns longas americanos fazem tanto sucesso por lá que o governo permite que seu período em cartaz seja estendida por mais um mês – que foi exatamente o que aconteceu com o novo Vingadores.

 

Dessa forma, agora se tornou mais fácil para que Guerra Infinita alcance as bilheterias chinesas dos dois últimos Velozes & Furiosos, que, tendo faturado US$ 390 milhões cada um, possuem os maiores faturamentos para filmes hollywoodianos por lá. Quem sabe o longa não se torna também o primeiro filme americano a fazer mais de US$ 400 milhões na China? Claro que, para isso, os Vingadores precisarão sobreviver aos dinossauros do novo Jurassic World, que chegarão ao país na próxima sexta-feira.

 

 

Como dito acima, Guerra Infinita deve ultrapassar os US$ 2 bilhões no início dessa semana, portanto, em seu 48º ou 49º dia de exibição. Isso faz dele o segundo filme mais rápido a alcançar essa marca, atrás apenas de Avatar, que chegou lá em após 47 dias em cartaz ao redor do mundo. Seja como for, os Heróis Mais Poderosos da Terra conseguiram ser mais rápidos do que O Despertar da Força, que precisou de 54 dias de exibição para chegar aos US$ 2 bilhões.

 

Cerca de US$ 70 milhões agora separam Guerra Infinita do sétimo Star Wars. Se os Vingadores não caírem feito pedra para os próximos blockbusters a estrearem, é bem possível que deixem para trás O Despertar da Força e se tornem a maior bilheteria mundial para um longa cujo diretor não é James Cameron.

 

Bilheteria EUA de 08/06/18 a 10/06/18:

 

Filme Semanas em cartaz Renda no fim de semana (em US$) Renda acumulada (em US$)
1- Oito Mulheres e Um Segredo 1 41.607.378 41.607.378
2- Han Solo: Uma História Star Wars 3 15.748.575 176.700.049
3- Deadpool 2 4 14.148.517 279.164.058
4- Hereditário 1 13.575.172 13.575.172
5- Vingadores: Guerra Infinita 7 7.238.699 655.136.398
6- Vidas à Deriva 2 5.272.049 21.962.065
7- Do Jeito que Elas Querem 4 4.285.456 56.959.580
8- Hotel Artemis 1 3.232.790 3.232.790
9- Upgrade 2 2.384.415 9.346.020
10- Alma da Festa 5 2.167.142 50.328.719

 

Veja a nossa galeria do filme:

[URIS id=5942]

Leia TUDO SOBRE Vingadores: Guerra Infinita!

Agora que a notícia acabou, veja um vídeo do nosso canal!

Comenta aí, Marvete!

legadodamarveldisqus