Homem-Aranha no Aranhaverso será o menor filme da Marvel no Brasil desde Quarteto Fantástico!

Curte lá!
Dá um follow aê!
Segue lá!
Se inscreve aê!

 

Homem-Aranha no Aranhaverso já está em sua terceira semana de exibição no país e ainda não demonstrou a reação que eu esperava que fosse ocorrer. O longa está atrás de seus maiores concorrentes no país, continua despencando em nossas bilheterias e até o momento não demonstrou que irá vender muito mais do que dois milhões de ingressos no Brasil. Será o menor filme estrelado por um herói da Marvel em nossas bilheterias desde o notório desastre Quarteto Fantástico, lá em 2015. E a situação é ainda pior porque se trata de ninguém menos que o Homem-Aranha, o herói mais amado de todos os tempos, inclusive pelo público brasileiro.

 

Aranhaverso faturou mais R$ 2,58 milhões e vendeu outros 160 mil ingressos ao longo do fim de semana. No total, o filme já soma R$ 26,5 milhões nas bilheterias brasileiras, tendo levado 1,71 milhão de pessoas aos cinemas. Trata-se de mais ou menos o mesmo número de ingressos vendidos por Homem-Aranha: De Volta ao Lar, lá em julho de 2017. Ou seja, Aranhaverso precisou de três semanas para levar aos cinemas a mesma quantidade de pessoas que De Volta ao Lar conquistou em apenas quatro dias.

 

Mesmo quando comparamos a performance de Aranhaverso no Brasil com a de outras animações recentes que abriram com números parecidos com os do longa da Marvel, o seu desempenho em nossas bilheterias continua constrangedor. O longa levou menos pessoas aos cinemas do que filmes como O Poderoso Chefinho, Hotel Transilvânia 2, Os Pinguins de Madagascar, Divertida Mente, PéPequeno (!) e Carros 3 haviam levado em suas respectivas terceiras semanas de exibição. Até mesmo animações que tiveram aberturas inferiores à de Aranhaverso conseguiram ter um desempenho melhor em sua terceira semana do que o Miles Morales animado, como é o caso de Viva: A Vida é uma Festa e O Touro Ferdinando.

 

 

Para piorar a situação, a queda no número de ingressos vendidos entre a segunda e a terceira semana de Aranhaverso foi particularmente brusca: 44%. Em média, filmes animados que abriram com um número de ingressos similar ao da animação da Marvel (como os mencionados no parágrafo anterior) costumam cair em torno de 29% em suas terceiras semanas.

 

Em outras palavras, Aranhaverso está vendo seu público sumir das salas de cinema mais rápido do que a média para uma animação.

 

E por que isso está acontecendo? Por que a performance de Aranhaverso no Brasil tem sido tão sofrível? A resposta não é muito difícil de se encontrar: o longa tem enfrentado competição brutal em nossas telas.

 

 

A batalha pelo público infantil, tipicamente a audiência preferida de uma animação blockbuster hollywoodiana, tem sido particularmente acirrada este mês nas bilheterias brasileiras. Além de Aranhaverso, há também dois sucessos dos titãs Disney e DreamWorks, respectivamente WiFi Ralph e Como Treinar seu Dragão 3. Ambos são continuações de bem sucedidos filmes animados da atual década e foram produzidos por dois dos maiores estúdios de animação do planeta. Dessa forma, eles já possuem a confiança dos pais como uma opção segura para as crianças.

 

Assim, se era quase uma missão impossível tentar conquistar a audiência infantil na batalha com Ralph e Dragão 3, eu previ que Aranhaverso ao menos poderia tentar cativar o público adolescente, jovem e adulto, que já são fãs dos filmes do MCU. Entretanto, isso até o momento não ocorreu, ou pelo menos não num volume que melhorasse significativamente a performance do filme por aqui. Pelo visto, os jovens que poderiam salvar a bilheteria do filme foram assistir Vidro, Creed II, os filmes do Oscar e Aquaman (que, aliás, tornou-se esta semana a maior bilheteria para um filme da Warner aqui no Brasil, então parabéns para o Rei de Atlântida).

 

Dessa forma, Aranhaverso vai acabar encerrando sua carreira por aqui tendo levado pouco mais de duas milhões de pessoas aos cinemas aqui no Brasil. Trata-se de um desempenho bem fraco para um filme da Marvel, que no pior dos casos levam mais de 3 milhões de pessoas aos cinemas. Mas se nem uma indicação ao Oscar conseguiu elevar muito a bilheteria do longa por aqui, então nada poderia salvar o longa da competição brutal que acabou enfrentando.

 

 

Mas e você, já foi assistir a Homem-Aranha no Aranhaverso? O que achou? Comenta aí com a gente. 🙂

 

Bilheteria Brasil de 24/01/19 a 27/01/19:

 

Filme Semanas em cartaz Renda na semana (em R$) Público na semana Renda acumulada (em R$) Público acumulado
1- Como Treinar o seu Dragão 3 2 8.529.590 517.658 29.767.393 1.925.312
2- Minha Vida em Marte 5 4.442.719 256.949 60.973.416 3.909.027
3- Creed II 1 3.925.697 223.449 3.925.697 223.449
4- Vidro 2 3.773.232 208.720 12.918.102 759.199
5- WiFi Ralph: Quebrando a Internet 4 3.204.788 203.096 57.275.969 3.843.974
6- Homem-Aranha no Aranhaverso 3 2.587.935 160.464 26.564.267 1.712.670
7- Aquaman 7 1.688.738 93.442 135.524.019 8.267.606
8- Green Book: O Guia 1 1.778.149 82.518 1.831.165 84.819
9- A Favorita 1 1.102.145 51.839 1.102.195 51.848
10- BTS World Tour: Love Yourself in Seoul 1 1.203.333 49.545 1.203.333 49.545

 

Leia TUDO SOBRE Homem-Aranha no Aranhaverso!

Agora que o artigo acabou, veja um vídeo do nosso canal!

Comentários

legadodamarveldisqus