Liga lidera pela terceira vez e ultrapassa Thor no Brasil

Curte lá!
Dá um follow aê!
Segue lá!
Se inscreve aê!

Liga da Justiça precisou de apenas três semanas para deixar Thor: Ragnarok para trás no Brasil. O longa comandado por Zack Snyder arrecadou mais R$ 13,2 milhões e vendeu mais de 760 mil ingressos no país ao longo do fim de semana. Isto faz de Liga o terceiro maior filme de heróis do ano em faturamento e o quarto maior em público até o momento, com R$ 101 milhões arrecadados e 6,2 milhões de ingressos vendidos.

 

      LEIA TAMBÉM!

 

Agora, você quer as boas ou as más notícias primeiro? Bem, como eu gosto de tirar coisa ruim do caminho rápido, comecemos com as más: em seu terceiro final de semana, Liga levou menos gente aos cinemas do que Batman vs Superman (864 mil ingressos) e Mulher-Maravilha (quase 1 milhão de ingressos). Além disso, o público total do longa até agora é cerca de 5% menor do que o conquistado por BvS no mesmo período. Assim, começa a parecer cada vez mais improvável que Liga leve mais gente aos cinemas do que o longa anterior de Snyder dentro do DCEU.

 

Por outro lado, em notícias melhores, Liga teve ótima sustentação entre a semana passada e esta: uma queda de apenas 24% no público, sendo que a média para um filme da DC no terceiro final de semana é de 37% – para efeito de comparação, BvS caiu 36% e Esquadrão, 42%. Assim, o longa não tem tido dificuldade nenhuma para continuar levando o público em quantidades imensas aos cinemas, mesmo enfrentando nesta semana nada menos que quatro estreias em circuito nacional: o suspense Assassinato no Expresso do Oriente, o terror Jogos Mortais: Jigsaw, a comédia Os Parças e a animação bíblica A Estrela de Belém. Se continuar nesse ritmo, até semana que vem Liga deve passar Logan (6,4 milhões de ingressos vendidos no total), Homem-Aranha: De Volta ao Lar (6,6 milhões) e Mulher-Maravilha (7 milhões), para se tornar a maior bilheteria do ano para um filme de heróis.

 

 

Sim, ao contrário do que vem acontecendo no resto do globo, os dois maiores filmes de super-herói do ano no Brasil serão da DC.

 

Até o momento, tudo aponta para que Liga termine o ano tendo levado pouco mais de 8,2 milhões de pessoas aos cinemas. Isto, claro, seria pouca coisa abaixo das 8,5 milhões que foram conferir Batman vs Superman, porém o bastante para ser a quarta maior bilheteria de 2017, atrás de A Bela e a Fera, Velozes & Furiosos 8 e Meu Malvado Favorito 3. Curiosamente, tal bilheteria também faria de Liga o terceiro filme mais visto da Warner de todos os tempos no Brasil, atrás do citado BvS e de Inferno na Torre, um filme desastre sobre um prédio incendiado que levou mais de 10 milhões de pessoas às salas escuras lá no longínquo 1975. É impressionante pensar que os dois últimos longas de Snyder para o DCEU levaram mais brasileiros aos cinemas do que qualquer Harry Potter, filme da Terra-Média de Peter Jackson ou trilogia do Cavaleiro das Trevas de Christopher Nolan.

 

      LEIA TAMBÉM!

 

Finalmente, não podemos deixar de notar que, com os grandiosos sucessos consecutivos de BvS, Esquadrão, Mulher-Maravilha e Liga em nosso país, o Brasil tem sido um dos mercados mais importantes para o DCEU em todo o globo. Se em muitos países os longas da DC andam afundando, por aqui os brasileiros tem procurado dar uma calorosa recepção aos Super Amigos, tanto quanto temos feito com a Marvel. Como você tem acompanhado na nossa coluna da bilheteria americana e mundial, o Brasil é o terceiro maior mercado para Liga da Justiça em todo o globo, atrás dos EUA e China. Por isso, quem sabe na continuação a Warner não poderia retribuir um pouco? Talvez um tapete vermelho no Brasil, ou até mesmo colocar uma cena onde a Liga enfrenta vilões em Foz do Iguaçu ou no Cristo Redentor, por que não?

 

 

Thor: Ragnarok foi chutado da segunda para a sexta posição do ranking por todas as outras estreias da semana. Afinal, em sua sexta semana em exibição, Ragnarok agora precisa começar a ceder salas para os novos longas que tem chegado ao circuito. Com isso, o longa dirigido por Taika Waititi perdeu quase a metade de seu público em relação a semana passada: foram pouco menos de 80 mil ingressos vendidos entre quinta e domingo e R$ 1,3 milhão de faturamento, totalizando 6,1 milhões de espectadores e R$ 98 milhões de arrecadação.

      LEIA TAMBÉM!

 

Vamos fazer de novo aquela brincadeira do lado negativo e positivo? Pois bem, pelo lado ruim, agora é bem provável que Ragnarok não consiga ultrapassar o público de Logan, e vá terminar sua carreira como “apenas” o quinto blockbuster de super-heróis mais visto do ano no país. Dessa forma, o Deus do Trovão ficará à frente apenas do decepcionante Guardiões da Galáxia Vol. 2 – que, tendo levado menos gente aos cinemas do que longas como It: A Coisa, Cinquenta Tons Mais Escuros (!) e A Cabana (!!!), assiste de longe os colegas do MCU e DCEU brigarem nas primeiras posições.

 

 

Pelo lado bom, em termos de faturamento, a situação de Ragnarok é um pouco melhor: apesar de ter tido um público menor do que Logan, a comédia estrelada por Chris Hemsworth fez mais dinheiro do que a última aventura de Hugh Jackman como Wolverine (que faturou R$ 91 milhões), provavelmente por ter utilizado as salas mais caras (3D, IMAX, XD, e afins) em maior quantidade do que o filme da Fox. Até a semana que vem, Ragnarok deve se tornar o quarto filme de super-heróis no ano a faturar mais de R$ 100 milhões nas bilheterias – em 2016, foram três os longas do gênero a atingir tal marca, Capitão América: Guerra Civil, Batman vs Superman e Esquadrão Suicida. Isso demonstra que, em 2017, o amor do público brasileiro pelos filmes de super-herói esteve mais forte do que nunca, com dois representantes do MCU e dois do DCEU faturando horrores.

 

     LEIA TAMBÉM!

 

Vale acrescentar também que o chamado “clube dos R$ 100 milhões” ainda é relativamente exclusivo: atualmente, apenas 20 filmes (incluindo Liga) conquistaram tal feito.

 

A próxima semana tem entre as principais estreias o drama-sensação Extraordinário e a comédia Perfeita é a Mãe! 2. Liga possivelmente liderará as semanas uma última vez antes de receber um concorrente grande de verdade que é Star Wars: Os Últimos Jedi, enquanto Ragnarok lutará para se manter no top 10. Será que vai conseguir?

 

 

Bilheteria Brasil de 30/11/17 a 03/12/17:

 

Filme Semanas em cartaz Renda na semana (em R$) Público na semana Renda acumulada (em R$) Público acumulado
1- Liga da Justiça 3 13.259.988 767.880 101.700.858 6.281.786
2- Assassinato no Expresso do Oriente 1 4.880.602 270.854 4.880.602 270.854
3- Jogos Mortais: Jigsaw 1 3.372.476 219.747 3.372.476 219.747
4- Os Parças 1 3.358.328 208.270 3.358.328 208.270
5- A Estrela de Belém 1 1.442.375 100.743 1.588.006 109.994
6- Thor: Ragnarok 6 1.324.049 79.639 98.000.610 6.179.898
7- Pai em Dose Dupla 2 2 1.079.070 70.264 5.117.504 354.198
8- Com Amor, Van Gogh 1 193.106 10.879 299.652 17.543
9- Victória e Abdul: O Confidente da Rainha 3 190.539 8.854 1.941.788 93.056
10- Boneco de Neve 2 188.597 7.946 784.565 35.554

 

Comenta aí, Marvete!

legadodamarveldisqus